Paróquia de São Pedro Apóstolo - Ponta Verde

Multimídia

Enquete

O que você acha do nosso site? (Mande sua sugestão em "Fale Conosco")
 

Visitantes Online

Nós temos 2 visitantes online

P. de São Pedro Apóstolo

Rua Gaspar Ferrari Moura, 251
Ponta Verde
Maceió - AL, 57035-100
(0xx)82 3231-7044

 

Horário de Missas

de terça a sexta: Às 17h
Sábado:  Às 17h e 19h
Domingo: Às 8h, 17h  e 19h
1ª Terça do mês - Missa de
Cura e Libertação: Às 19h.

O Pescador

Santo Sudário

turin-shroud

2º DOMINGO DA QUARESMA - 2015 PDF Imprimir E-mail
Homilias
Escrito por Jaeckson   
abraao-sacrifica-isaqueReflexão Homilética do
dia 01 de março de 2015
LEITURAS:
1ª Leitura: Gênesis 22,1-2.9-13.15-18
Salmo: 115/116B 
2ª Leitura: Romanos 8,31-34
Evangelho: Marcos 9,2-10

Nas leituras de hoje, Abraão e Jesus sobem ao monte. Vamos nós também com eles, sabendo que, na Bíblia, o monte é o lugar privilegiado para se encontrar com Deus e ouvir a sua palavra. 

Na primeira leitura, Deus pede a Abraão tudo quanto ele tinha: “teu filho único, Isaac, a quem tanto amas”.

Vejamos: Abraão estava velho e tinha um único filho, Isaac, fruto da promessa de Deus para ele; E agora já com 100 anos, não tinha mais condições de ter outro filho. Ele amava muito seu filho Isaac... E, Deus lhe pede que renuncie a tudo. Tudo que de mais valor tinha na sua vida. Deus lhe prometeu longa descendência e agora lhe pede seu único filho em sacrifício. O que você faria nesta situação? O que nós faríamos?

Leia mais...
 
“CONVERTEI-V0S E CREDE NO EVANGELHO!” PDF Imprimir E-mail
Pe. Manoel Henrique

conversaoO tempo litúrgico da Quaresma é sempre mais forte que outro período. O apelo maior é para fazer penitência que significa mudança radical de vida. O nome do Sacramento é da Penitência e não Confissão de pecados. Infelizmente a catequese ficou incompleta, deixando transparecer ao penitente que lhe basta somente contar os pecados ao confessor. Muitos até mantêm a prática de listar os pecados num pedaço de papel. O próprio confessor, não preparado para a ouvir pecados contribui para isso. A prática sacramentária da Penitência é bastante sofrida, isto é, necessita urgentemente de uma renovação. O Concílio do Vaticano II não conseguiu pôr em prática os grandes sinais de mudança. Normalmente faltam padres para esse atendimento. O costume tem sido de marcar um dia específico para a confissão de todos, especialmente, na Quaresma. Sem tempo também, o padre se limita apenas a absolver o penitente, sem uma palavra sequer de meditação ou reflexão sobre a vida, para depois se receber a absolvição de seus pecados. Infelizmente, a Igreja abandonou esta prática, restando poucas ou somente uma opção.

Leia mais...
 
A IGREJA CATÓLICA VIVE UMA CRISE PDF Imprimir E-mail
Côn.José Everaldo

igreja 0x1 “A Igreja católica vive uma crise”. Esta afirmação não é minha, nós estamos ouvindo esta afirmação por boa parte do episcopado mundial. A palavra crise vem do grego (krisis) traduzindo seria um momento de tomada de decisão. Porém, a palavra exige mais apurada reflexão: quando um homem vê que está vivendo no erro e que precisa reverter o seu caminho, exige dele uma tomada de decisão radical que vai de encontro àquilo que vive. Esta tomada de decisão pode ser de forma individual ou de forma coletiva, quando um grupo humano decide reagir a algo que o incomoda profundamente.

A Igreja está em crise, pois dizem que ela está com medo de ser a mestra da verdade, mostrando ao mundo a verdade da doutrina católica que foi produzida por uma atenta leitura do Evangelho para adaptar-se aos novos moldais do mundo contemporâneo. Isto é, a Igreja está agindo não inspirado pela força do Evangelho, mas procurando adaptar-se às novas realidades sociais. Aquilo que é “politicamente possível”.

Leia mais...
 
1º DOMINGO DA QUARESMA - 2015 PDF Imprimir E-mail
Homilias
quaresma5Reflexão Homilética do dia 22 de fevereiro de 2015   

LEITURAS: 
1ª Leitura: Gênesis 9,8-15
Salmo: 24/25  
2ª Leitura: 1 Pedro 3,18-22
Evangelho: Marcos 1,12-15

Na quarta-feira de cinzas demos início ao tempo da quaresma, 40 dias de preparação para a Páscoa. Páscoa que para nós cristãos significa vida nova em Jesus Cristo. Quaresma é tempo de deixar-se remodelar, permitindo que Deus refaça a nossa vida. Busquemos descobrir aquilo que em nossa vida é velho, é pecado e nos afasta da Vida Nova que Deus quer para cada um de nós. 
Para vivermos bem este período da quaresma, a Igreja nos orienta três atitudes fortes: a oração, a penitência e a caridade. E a cada ano, nos convida também a refletirmos, na Campanha da Fraternidade, que este ano tem como tema: “FRATERNIDADE, IGREJA E SOCIEDADE” e o lema“Eu vim para servir” (Marcos 10,45). É na escuta da Palavra de Deus, e em seus ensinamentos que encontraremos o caminho para vivenciarmos melhor este período. Já no Salmo de hoje, pedimos: “Mostrai-me, ó Senhor, vossos caminhos e fazei-me conhecer a vossa estrada”.

A primeira leitura nos mostra um Deus que faz aliança com o homem: depois de haver lavado todo pecado da terra pelo dilúvio, Deus conforta o homem com uma promessa eterna de Salvação. “Eis que vou estabelecer minha aliança convosco e com todos os seres vivos! Nunca mais criatura alguma será exterminada pelas águas do dilúvio.” Não será mais desta maneira que Deus lavará o pecado da terra.
Na segunda leitura nos é revelado como Deus livra de vez o homem de todo o pecado: “Cristo morreu, uma vez por todas, por causa dos pecados, o justo pelos injustos, a fim de nos conduzir a Deus!”. E é este Mistério de Salvação, de Vida Nova, que agora, na quaresma, nos preparamos para celebrar: a Páscoa. A arca de Noé era apenas uma prefiguração, das águas do Batismo, que purificam mais que aquelas do dilúvio! Nelas fomos lavados, purificados, gerados de novo, banhados pelo Espírito Santo, entrando na única e maior família do Senhor, sua Igreja, e nela nos alimentamos de Cristo nossa Salvação. Somos o povo santo de Deus, povo resgatado pelo sangue de Cristo, povo que vive no Espírito Santo que Jesus, nossa Páscoa, derramou sobre nós.
No Evangelho de hoje vemos Jesus, que após ter recebido seu batismo, “foi levado pelo Espírito para o deserto. E ele ficou no deserto durante quarenta dias, e aí foi tentado por Satanás.” As tentações foram associadas à narrativa do batismo de Jesus. Isto nos mostra que após sermos batizados, lavados por Jesus, com o Espírito Santo, estando na sua Igreja, devemos também estar preparados e fortalecidos para vencer as tentações deste mundo. Agora, batizados, estando com Deus, vemos que nossas atitudes têm que mudar, pois já não fazemos parte deste mundo, mas do Reino de Deus. Somos tentados, em nossas fraquezas a nos afastar da vontade de Deus. Antes de mudarmos de atitude, buscando a vontade de Deus, precisamos primeiro renunciar tudo que em nós, nos afasta de Deus. Precisamos, como Jesus, vencer as tentações, renunciando a tudo que não está em consonância com a vontade de Deus, por mais inocente que pareça.

Leia mais...
 
Papa Francisco lança desafio: seguir o Senhor ou o Mundo? PDF Imprimir E-mail
Notícias

franciscosantamarta losservatoreromano190215Na homilia da missa, matutina na Casa Santa Marta neste segundo dia de Quaresma, o Papa Francisco animou os fiéis a escolherem entre Deus e os outros deuses que são todas aquelas circunstâncias que nos afastam Dele e acrescentou que todos os cristãos deveriam fazer este discernimento.
O Santo Padre insistiu em que cada pessoa se pergunte qual é “a velocidade da minha 
vida”, se “reflito sobre as coisas que faço”. Também pediu que tenhamos a coragem necessária para escolher o Senhor em todas as ocasiões”. Francisco recomendou também o “conselho tão bonito” do salmo 1: 'Feliz o homem que confia no Senhor'”.

“Quando o Senhor nos dá este conselho, Ele não nos deixa sozinhos. Está conosco e quer nos ajudar. Temos somente que confiar, ter confiança Nele. ‘Feliz o homem que confia no Senhor’”.

“Um caminho errado é o de procurar sempre o próprio sucesso, os próprios bens, sem pensar no Senhor e sem pensar na família. Estas duas questões: como é a minha relação com Deus, e como é a minha relação com a família. Uma pessoa pode ganhar tudo, mas no final, se tornar um fracassado. Fracassar. Aquela vida é uma falência. ‘Fizeram-lhe um monumento, pintaram um quadro para ele...’. Mas fracassou, não soube escolher direito entre a vida e a morte”.

Leia mais...
 

Destaque

 

Mala Direta



Receber em HTML?

Obrigado por se cadastrar

Evento

ENCONTRO DE FORMAÇÃO

Galeria de fotos - Encontro de Formação

Clique aqui

Banner

Redes Sociais

facebook      orkut
twitter      youtube

Localização

Paróquia de São Pedro
Exibir mapa ampliado

Rua Gaspar Ferrari Moura, 251
Ponta Verde - Maceió - AL

CEP: 57035-100
(0xx)82 3231-7044